top of page

Quando o médico veterinário deve pedir exames laboratoriais para o seu pet?

Atualizado: 14 de set. de 2023


O Diagnóstico veterinário precoce pode salvar a vida do seu pet.

A prevenção é o melhor remédio! Por isso, quando for ao médico veterinário não esqueça de reforçar a necessidade por exames laboratoriais, caso desconfie se há alguma necessidade.

Dentre todas as patologias que acometem em nossos animaizinhos de estimação, uma das mais silenciosas são os tumores, já que diferente dos humanos, os animais costumam apresentar sinais físicos depois de um tempo. Então, os exames laboratoriais veterinários são a única maneira de afastar com todas as dúvidas! Um médico veterinário de responsabilidade solicitará um pedido de análise em um laboratório de referência.

Quando o médico veterinário deve pedir exames laboratoriais para o seu pet?

Bem, há muitos fatores que fazem com que o médico com especialidade em oncologia veterinária solicite uma sequência de exames laboratoriais. Diferente do que muitas pessoas acreditam, o médico veterinário dessa área trata outras doenças em específicos.

Além de tratar patologias menos graves, esse especialista cuida de doenças muito mais agressivas em cães e gatos, como:

  • Linfomas

  • Câncer de pele

  • Câncer de mama

  • Neoplasia

  • Tumores na cabeça e pescoço

  • Câncer nos ossos

Exames laboratoriais são fundamentais para conferir se a saúde de seu Pet está em dia! Quanto mais cedo o diagnóstico, há maiores chances de tratamento.

Independente do tutor achar necessário ou não, os exames laboratoriais veterinários são de extrema importância para o tratamento seja mais efetivo. Não apenas o câncer, mas há outras enfermidades como a Doença do Carrapato. Então, qualquer sinal na mudança de comportamento, o mais indicado é que o responsável pelo pet entre em contato com o médico veterinário para agendar um horário de consulta. Sinais esses:

  • Mudança de apetite

  • Surgimento de manchas na pele

  • Coceira sem motivo aparente

  • Indisposição

  • Odor desagradável

  • Alteração de comportamento

Obviamente, os animais são diferentes um dos outros, mas os pequenos sinais de alteração são os mais importantes, já que é por meio do olhar atento do tutor que a qualidade de vida de nossos companheiros seja a melhor possível.

Sempre que for a uma clínica veterinária de qualidade, não esqueça dos exames!

Quais os cuidados para prevenir e cuidar?

Não há uma forma mágica, para que tudo ocorra bem, os seus pets precisam estar em dia com as consultas no médico veterinário e com os exames laboratoriais sempre atualizados! É imprescindível que o tutor entenda a importância do check-up veterinário! Assim como as pessoas devem ir, periodicamente, ao médico para uma avaliação do seu quadro de saúde, não seria diferente com os animais.


Mas você sabe como cuidar da forma correta para que não haja problemas futuros, quanto a saúde de seu bichinho? Primeiro, pegue lápis e papel e comece a anotar algumas dicas de prevenção que nós, a equipe Alchemypet, separamos para você:


1 – Evite deixar para depois, pedir por exames laboratoriais junto ao seu médico veterinário.

Sempre quando estamos com algum problema aparente no carro, o mais indicado é procurar o mecânico, porque uma pequena peça de nada, pode fazer toda a diferença mais tarde. Com os animais, não seria nem um pouco diferente! Pense só, o diagnóstico precoce permite que o seu médico veterinário tenha mais tempo de entender a doença, ver todas as possibilidades e então propor o tratamento mais eficaz, economizando tempo e dinheiro.

Quando adiamos, por mais que o período tenha sido relativamente curto, corremos o perigo de colocar a vida de nossos Pets em uma situação complicado.

2 – Siga a prescrição de quem entende

Caso algo funcionou para determinada situação, não necessariamente, terá a mesma serventia para outras finalidades. Todas as raças de animais têm as suas particularidades.

Desde peso, condicionamento físico, necessidades de X ou Y coisa, por essas questões, nunca vá confiando em orientais de quem não compreende sobre o assunto.

Dessa maneira, em vez de ajudar, acabará piorando a condição clínica de seus Pets. Na dúvida, o médico veterinário é o mais indicado para acabar com todas as suspeitas.

E acredite, na maior parte das vezes, um profissional da área da veterinária jamais fará o seu diagnóstico clínico sem antes ter certeza, provavelmente, precisará do auxilio de exames laboratoriais.


3 – Cuidado com os parasitas

Pulgas e carrapatos são tenebrosos para a vida de seu bichinho. A lista de doenças que os parasitas transmitem é imensa, a começar pela Doença do Carrapato, que tem 4 tipos.

Não apenas manter o remédio de antipulgas e carrapatos em dia é o suficiente! Parasitas estão localizados no ambiente, infelizmente, ainda há uma crendice popular de que o próprio animal desenvolve parasitas, através do sangue.

Por estarem no ambiente, os parasitas vivem em busca de um local propício para sobreviver, através de outros animais. Além de representarem perigo aos nossos animais, também corremos perigo quando estamos no mesmo ambiente que parasitas. Evite seu Pet de ir em lugares sujos, principalmente, os gatos.

Muitos tutores acreditam que os felinos precisam dar os seus passeios pelas ruas do bairro, completamente, desacompanhados. Não! Gatos não devem passar o dia na rua, voltar a hora que quer e viver como deseja.


4 – Castração

Quer prevenir o câncer de mama nas fêmeas quase pela metade? Castração! Deseja impedir que os seus gatos e cachorros não desenvolvam problemas na próstata? A resposta continua sendo a mesma.

O risco de cadelas serem diagnosticadas com câncer caí em 44% com a castração, quase que pela metade, enquanto que as gatas em 30%!

A castração está relacionada diretamente com a qualidade de vida dos seus Pets! Um tutor responsável prioriza a saúde de seu bichinho, o quanto antes!

5 - Fique de olho nas campanhas de prevensão

O câncer continua sendo a maior causa de morte em animais de companhia e alguns estudos demonstram que quase 50% dos animais domésticos com idade entre 10 anos ou mais morrem de câncer no Brasil. Com o aumento considerável da longevidade dos animais, os casos de câncer em cães e gatos tem aumentado nos últimos anos.


A incidência de neoplasias a partir de 4 anos de idade, apresentam uma alta prevalência. Como trata-se de uma doença de fundo genético, assim como em humanos, o câncer em animais domésticos é resultado de muitos fatores, tais como: aumento da expectativa de vida, alimentação, fatores ambientais, condições em que vivem e estado de saúde.


Desta forma, os exames preventivos são uma forma de detectar alterações de saúde geral. O rastreio de saúde é fundamental para o Médico Veterinário diagnosticar precocemente lesões malignas com auxilio de exames complementares.


Durante o ano, o laboratório Alchemypet sempre promove Campanhas de Prevenção do Câncer e outras enfermidades.


A equipe Alchemypet trabalha com a análises clínica veterinária mais direta, acadêmica e tecnológica no quesito de exames! Então, compreendemos a necessidade do tempo para o tratamento. Somos o único Laboratório veterinário do país que processa os seus exames em 24 horas, sempre mantendo a ética como prioridade.


7 visualizações
bottom of page